Escreva seu Comentário:

Warning: include(../i_menu_impressao.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\comentario_poesia.php on line 406

Warning: include(../i_menu_impressao.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\comentario_poesia.php on line 406

Warning: include() [function.include]: Failed opening '../i_menu_impressao.php' for inclusion (include_path='c:\php5.2fastcgi\dev;c:\php5.2fastcgi\ext;c:\php5.2fastcgi\extras;c:\php5.2fastcgi\extras\pdf-related;c:\php5.2fastcgi;.') in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\comentario_poesia.php on line 406
Sonetos

Autor(a): Geraldo Altoé

MEU ÚLTIMO REMÉDIO

Não sou poeta pelos meus caprichos,
Nasci com essa ferida dentro em mim.
E cada verso meu tem um compromisso:
Aliviar minha dor é o seu fim.

Meu pranto pinga a escada do soneto,
E os versos são degraus por onde rola,
E vai buscar o fim, cai sobre a mola
Que me retorna sempre ao recomeço.

E apego-me ao infame cadafalso,
De dor eu me alimento todo dia,
E bebo em taças rudes a poesia

Em cujo alimento é o que me faço.
Se tento desvendar-me deste laço
Não encontro mais o amor, nem a alegria.

Serra,20/06/2018

Geraldo Aloé


Publicado no site: O Melhor da Web em 20/06/2018
Código do Texto: 137753
É necessário efetuar o login para fazer comentários.
Comentários Recebidos