Escreva seu Comentário:
Poema

Autor(a): DECIO VEDOVELLO

O Mergulho
Mergulhei na vida com sorte
num mar de água muito forte
e fui surpreendido,
num instante perdido
ao ter a vida presa
pelas ondas.A surpresa
me deu uma alegria
como o peixe que inicia
nadar todo dia.
A barbatana é o braço
a empurrar no fundo espaço
nas amplidões marinhas
que agora são todas minhas.




Publicado no site: O Melhor da Web em 06/09/2020
Código do Texto: 141676
É necessário efetuar o login para fazer comentários.
Comentários Recebidos