Escreva seu Comentário:

Warning: include(../i_menu_impressao.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\comentario_poesia.php on line 406

Warning: include(../i_menu_impressao.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\comentario_poesia.php on line 406

Warning: include() [function.include]: Failed opening '../i_menu_impressao.php' for inclusion (include_path='c:\php5.2fastcgi\dev;c:\php5.2fastcgi\ext;c:\php5.2fastcgi\extras;c:\php5.2fastcgi\extras\pdf-related;c:\php5.2fastcgi;.') in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\comentario_poesia.php on line 406
Sonetos

Autor(a): GILSON LIRA

ZOMBARIA
Vivemos horas crônicas,
Foram tantas palavras irônicas.
Bem longe de serem virtudes,
Os seus gestos e atitudes.

Não deu nem para entender
Porque quis me escarnecer.
Tentou me fazer de fantoche,
Gastando todo seu deboche.

Por um simples atraso,
Ela me fez pouco caso
De todo meu sentimento.

O nosso amor, quem diria!
Acabou como zombaria
A partir daquele momento.


Publicado no site: O Melhor da Web em 28/04/2009
Código do Texto: 19922
É necessário efetuar o login para fazer comentários.
Comentários Recebidos
DENISE MELLO
Foto Internauta: nº 4451 - Denise Mello - DENISE MELLO

Vai para a página de Recados! Texto mais recente, cadastrado no site! CLIQUE PARA LER! AMOR DECENAL Vai para a página de Contatos!
Mensagem referente ao texto: ZOMBARIA
Denise Mello
O que mais existe neste mundo: seres que transformam os outros em fantoches. E você muito bem os definiu aqui.
19/07/2010