Warning: include(../i_menu_impressao.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\imprime_poesia.php on line 21

Warning: include(../i_menu_impressao.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\imprime_poesia.php on line 21

Warning: include() [function.include]: Failed opening '../i_menu_impressao.php' for inclusion (include_path='c:\php5.2fastcgi\dev;c:\php5.2fastcgi\ext;c:\php5.2fastcgi\extras;c:\php5.2fastcgi\extras\pdf-related;c:\php5.2fastcgi;.') in D:\Domains\omelhordaweb.com.br\wwwroot\poesias\imprime_poesia.php on line 21
Evangélicas

Autor(a): Silvio Dutra

Justiça Pefeita
Como é que pode Deus permitir que homens ímpios ocupem posições de liderança e poder por tanto tempo?
Como podem certas figuras do Executivo, do Judiciário e do Legislativo se perpetuarem no poder quase que somente praticando males contra o povo e oprimindo os justos, e legislando e acobertando os corruptos e maus?
Este é o tipo de pergunta mais comum de se ouvir nestes dias, especialmente aqui no Brasil.
Mas, amados, uma coisa não pode ser esquecida: para Deus um dia é como mil anos e mil anos como um dia. Ele não dormita e nem está indiferente ao que fazem os ímpios – todos eles, e não apenas os poderosos.
Aqueles que não se converterem, arrependendo-se de suas impiedades e voltando-se à prática da justiça, já estão condenados e haverão de ser submetidos a um juízo eterno em que há graus de sofrimentos proporcionais ao tamanho da impiedade que praticaram.
Além disso, todos são nivelados pelo grande juiz de todos que não lhes permite viver mais do que um centenário neste mundo, a saber, a morte.
Deus os remove no tempo que ele determinou para isto. Onde estão os grandes tiranos dos séculos passados? Eles são arrancados como a erva que seca e foi infrutífera para serem queimados para sempre.
Não podemos esquecer também que o Reino de Deus e de Cristo não é deste mundo. Jesus não rogou pelos tais em sua oração sacerdotal em João 17, e isto significa que os tem deixado entregues à ruína que logo há de se manifestar sobre eles.
Deixemos portanto, todo o juízo nas mãos do Senhor, que é o sábio governante e que tudo tem feito para um propósito determinado.
Não sejamos cúmplices do mal, antes o denunciemos, mas não tentemos sequer pensar que pela via política, ou por qualquer outra, chegaremos um dia a ver uma sociedade justa no mundo. Esta expectativa deve ser guardada para a volta do Senhor Jesus, pois até lá, o que há de ser testemunhado é o aumento da iniquidade e o esfriamento do amor de muitos.