Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
thalya santos - THALYA SANTOS
THALYA SANTOS
Cadastrado desde: 07/09/2009

Texto mais recente: VIAJAR EM OUTRO UNIVERSO



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de THALYA SANTOS , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=3080

 
Textos & Poesias || Tristeza
Imprimir - Impressora!
Imprimir
UM SILENCIO QUE GRITA
01/07/2013
Autor(a): THALYA SANTOS
VOTE!
TEXTO ELEITO
6
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
UM SILENCIO QUE GRITA

Um silencio que grita
Um entender de nada saber
Uma mente perturbada
Um querer e não poder
Uma revolta sem volta
Uma porta fechada
Uma alma ensanguentada
Uma loucura obscura
Invade a madrugada
Fria gelada
O sono foi embora
Lembranças que devora
Saudade que tortura
Um filme na T.V
Um filme que ninguém vê
Um gato grita no telhado
Muito a fim de namorar
Aproveitando a luz do luar
E a dor que me sufoca
Faltando-me o ar
Cabeça também cansa de tanto pensar
E começa a divagar
Mistos os pensamentos
Como um quebra cabeça
Que não consegue encaixar
Um nó aperta a garganta
Vontade chorar
Lagrimas secaram
Como o sonho e a esperança
Tudo que hoje eu queria
Era voltar a ser criança.


Publicado no site: O Melhor da Web em 01/07/2013
Código do Texto: 108144
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):