Espaço Literário

O Melhor da Web


Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto


Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de MANUELA , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=6281

 
Textos & Poesias || Poema
Imprimir - Impressora!
Imprimir
Cançoneta da recriação do mundo (Paulinho Assunção) (+tradução italiana)
09/02/2017
Autor(a): MANUELA
VOTE!
TEXTO ELEITO
30
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
Cançoneta da recriação do mundo (Paulinho Assunção) (+tradução italiana)

No princípio era o coito — e não havia trevas.
Só havia o coito — o céu e a terra, os astros
e as águas, e as gentes, das incontáveis espécies,
e havia ritmo, pois no princípio era o coito, e havia
cítaras e saxofones, rombudos violoncelos,
encapelados violinos, e flautas, e flautins, e taróis,
pois no princípio era o coito, e havia orquestra,
e havia vinhas e havia uva e havia vinho
para o curso da festa, pois no princípio era o coito,
e não havia verbo e não havia discurso, só o corpo,
e os corpos, a líquida aliança, jateantes abraços,
esguichantes tumultos, orgíacas cidadelas, e as gentes,
das incontáveis espécies, pois no princípio era o coito,
grilos e grilas, abelhos e abelhas, formigos e formigas,
todas as gentes, bípedes e quadrúpedes, voantes
e rastejantes, o fero e a fera, pois no princípio era o coito,
é o que digo, desbocado com gregório, com o elixir
do bernardo, é o que digo, no princípio era o coito
e foi assim a criação do mundo.
____________________________________


Tradução italiana de Manuela Colombo



Canzoncina della ricreazione del mondo
 
In principio era il coito — e non c’erano tenebre.
C’era solo il coito — il cielo e la terra, gli astri
e le acque, e le genti, di innumerevoli specie,
e c’era ritmo, poiché in principio era il coito, e c’erano
cetre e sassofoni, rustici violoncelli,
beneducati violini, e flauti, e ottavini, e tamburi,
poiché in principio era il coito, e c’era l’orchestra,
e c’erano vigne e c’era uva e c’era vino
per la riuscita della festa, poiché in principio era il coito,
e non c’era verbo e non c’era sermone, solo il corpo,
e i corpi, la liquida alleanza, zampillanti abbracci,
sprizzanti tumulti, orgiastiche cittadelle, e le genti,
di innumerevoli specie, poiché in principio era il coito,
grilli e grille, api e apesse, formiconi e formiche,
tutte le genti, bipedi e quadrupedi, volanti
e striscianti, il fiero e la fiera, poiché in principio era il coito,
questo io dico, sboccato come gregorio, con l’elisir
di bernardo, questo io dico, in principio era il coito
e andò così la creazione del mondo.

Publicado no site: O Melhor da Web em 09/02/2017
Código do Texto: 134203
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.