Espaço Literário

O Melhor da Web


Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto

PAULO FONTENELLE DE ARAUJO
Cadastrado desde: 06/03/2018

Texto mais recente: PONTOS DE VISTA



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de PAULO FONTENELLE DE ARAUJO , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=7367

 
Textos & Poesias || Poema
Imprimir - Impressora!
Imprimir
CRACOLÂNDIA LUMINOSA
09/03/2018
Autor(a): PAULO FONTENELLE DE ARAUJO
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
CRACOLÂNDIA LUMINOSA

Chove na "Boca do Lixo",
também a chamam de “Cracolândia”
é uma parte de São Paulo,
(perto da rua Aurora,
pegada a Estação da Luz).
Cracolândia!
Existe tal lugar?
Prontamente existe.
Surge com as fadas,
está no comércio de doces,
nas portas lacradas e nas pedras fumegantes.

Chove no centro de São Paulo.
Paro aqui.
É a Cracolândia.
Existe tal lugar?
Constantemente existe.
Também brota ao entardecer
quando o “crack” aceso
é um resto do fogo eterno
para quem vem de uma gelada Islândia
e bem prefere daqui,
os sacos de lixo azuis das portarias
e os arcos dourados do viaduto Santa Efigênia.
     
Estou na Avenida Rio Branco.
Chove.
O bebê da mendiga chora.
A mãe não vê a chuva,
vê a Cracolândia.
O lugar talvez exista.
Ele    cresce.
Cresce no brilho dos vaga-lumes
que iluminam os olhares
da plebe deste condomínio.

Mas a    Cracolândia existe?
Constantemente,
pois o fantástico vive da longa madrugada
com segredos e dissimulações.

A manhã naquela pousada    nunca chegará
pois tudo gira como sirenes.
As fadas se acomodam,
duendes esbugalham os olhos,
renas acompanham
mendigos que não sentem fome.

Saio da Cracolândia
Ela permanece.
Uma chuva rala molha o asfalto mágico.
e um rato imenso de casaca preta,
Mickey Mouse,
em uma esquina da avenida São João.
acena aos turistas.
Lembra a Disneylândia,
outra terra prometida.

DO LIVRO: "A CIDADE POSSÍVEL"


Publicado no site: O Melhor da Web em 09/03/2018
Código do Texto: 136739
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.