Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
dirceu - DIRCEU DETROZ
DIRCEU DETROZ
Cadastrado desde: 27/12/2012

Texto mais recente: CAÇADORES DE TRAGÉDIAS (Dirceu Detroz)



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de DIRCEU DETROZ , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=6941

 
Textos & Poesias || Crônicas
Imprimir - Impressora!
Imprimir
ALGUNS E OUTROS CAUSOS (Dirceu Detroz)
12/03/2018
Autor(a): DIRCEU DETROZ
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
ALGUNS E OUTROS CAUSOS (Dirceu Detroz)

Era uma vez...

Um escritor aqui da região que resolveu escrever um livro sobre as famílias mais importantes de Rio Negrinho. E decerto por achar a minha família importante, procurou a pessoa mais conhecida da família, para que escrevesse uma espécie de biografia. Essa pessoa foi meu irmão dono de um escritório de contabilidade.

Meu irmão tem muitos dons. Um deles ficou evidente no dia do lançamento do livro. Ser mão fechada. Diferente de mim puxou nosso pai. Enquanto o escritor queria que cada família importante adquirisse vinte exemplares, meu irmão saiu de lá com apenas cinco. O dom que nunca chegou sequer perto dele foi o de escrever.

Então a incumbência da biografia ficou com esse que agora está escrevendo esta crônica. Que foi aluno do escritor. Eu diria que como professor, de um a dez com muita boa vontade ele foi três. Do escritor não posso opinar porque nunca li qualquer obra dele. Falta de interesse mesmo. Até tenho algumas que ganhei. Vou doar.

Na biografia escrevi muito sobre meu pai. Sua História se confunde com a da Móveis Cimo S/A. No sentido figurado é possível dizer que foi meu pai quem fechou os portões a última vez da fábrica que ficava no centro da cidade.

Para meus leitores na internet fora de Rio Negrinho cabe uma explicação. A Móveis Cimo durante várias décadas do século passado, foi a maior fábrica de móveis da América Latina. Responsável pelo nascimento da cidade, e pela sua estagnação nos dias atuais. Você aí menino ou menina com mais de sessenta anos lendo está crônica, talvez, possua um móvel com a marca “Móveis Cimo” sem saber disso.

Não lembro mais de todos os causos que contei. Ficarei muito feliz se quem estiver lendo também lembrar do seu pai, e da vida boa que tínhamos sem saber. Sem esquecer, é claro, das mães. E acreditem! Nós somos uma geração de privilegiados!

O causo que não esqueço ficou de fora do livro. O motivo pergunte ao escritor. Uma certa noite ele apareceu na nossa casa. Queria emprestar dinheiro para abrir sua loja. Na época meu pai emprestou o equivalente a mil reis. Agora existe uma floricultura ali.

Todos os meses religiosamente minha mãe passava na loja cobrando os juros do empréstimo. Quando chegou a vez do capital, as labaredas do dragão da inflação fizeram minha mãe voltar para casa com duas toalhas de banho e três de rosto.

Também não sei o porquê de no livro constar o meu irmão como autor da biografia. Sendo que no e-mail eu dizia claramente ser eu. Mas, até agradeço. Quando preciso de exemplos para minhas teorias sobre a raça humana, o escritor é um excelente espécime.


Publicado no site: O Melhor da Web em 12/03/2018
Código do Texto: 136753
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):