Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto

BEATRIZ NAHAS PINTO
Cadastrado desde: 10/01/2016

Texto mais recente: Borboleta Violeta



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de BEATRIZ NAHAS PINTO , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=7283

 
Textos & Poesias || Social
Imprimir - Impressora!
Imprimir
Duas Realidades Sociais
09/09/2019
Autor(a): BEATRIZ NAHAS PINTO
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
Duas Realidades Sociais

Duas peculiares realidades.
Duas vidas. Duas dificuldades.
Mesmo cenário competitivo.
Um negro e outro branco menino.

Dois trens nas costas precisam carregar
Para chegar no mesmo lugar.
O menino branco carrega um trem de brinquedo.
Já um vagão com toneladas de carvão carrega o menino negro.

Os recursos para serem aprovados em universidades
São diferentes para essas duas realidades.
O histórico da cidade assim moldou
E a acomodação da mesma assim deixou.

Este menino negro na periferia mora.
Estuda numa escola pública agora
que preza saber o básico
Como contar, ler e escrever para ser um trabalhador hábil.

Já este menino branco na elite mora.
Estuda numa escola particular agora
que preza o saber para o vestibular
Já que os ricos querem ver seus filhos lá passar.

Os privilégios não são apenas pela classe social;
São também pela cor e histórico cultural.
Por isso, as cotas como medida paliativa
Busca propor ao negro algum respaldo pela injustiça.

Porém, deixar as cotas para tapar-buraco
Não deixa de ser um injusto e egoísta descaso.
Se a escola pública tivesse melhorias,
Em alguns anos, as cotas não seriam mais a saída.

Por isso, enquanto a educação ao governo não for a prioridade
Em qualquer escola para qualquer realidade,
Continuarão sendo reproduzidas sem solidariedade
Estas injustas sociais desigualdades.

Publicado no site: O Melhor da Web em 09/09/2019
Código do Texto: 140457
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):