Espaço Literário

O Melhor da Web


Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
Gilson Lira - GILSON  LIRA
GILSON LIRA
Cadastrado desde: 22/04/2009

Texto mais recente: 28.04. DIA DO TRABALHADOR JOALHEIRO



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de GILSON LIRA , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=1865

 
Textos & Poesias || Patrióticas
Imprimir - Impressora!
Imprimir
A 2ª GUERRA MUNDIAL: CAPÍTULO IX - A BATALHA NO ATLÂNTICO
09/05/2009
Autor(a): GILSON LIRA
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
A 2ª GUERRA MUNDIAL: CAPÍTULO IX - A BATALHA NO ATLÂNTICO

O Atlântico é um ponto emotivo,
Onde Hitler tem grande objetivo.
Evitar o fornecimento de provisões
Para as suas inimigas nações.

Como foi também em terra,
A luta durou toda guerra.
Em 39 o conflito começou
Quando o navio Athenia afundou.

Tenho certeza, não me engano,
114 navios ingleses afundaram este ano.
Em Scapa Flow um submarino alemão,
Tirou o potente Royal Oak de ação.

Na primavera de quarenta,
Uma nova embarcação se inventa.
Os ares cortam as cornetas,
Entram na água as Corvetas.

Logo acaba a esperança
Quando ocorre a queda da França.
Começa afundamento de lancha
No tranqüilo Canal da Mancha.

Submarinos com maior regularidade
Passam a operar em mais profundidade.
O perigo ronda qualquer comboio
Que não pode navegar sem apoio.

A rota livre dessa banda
Contornava o norte da Irlanda.
Mas num ou noutro lance
Bombardeiros de longo alcance.

O mau tempo traria
Um período de calmaria.
Mas quando a primavera voltou,
Donitz a ofensiva renovou.

A nova tática devastadora,
De grandes batalhas vencedora.
Seguia no mar uma trilha,
Submarinos denominados “Matilha”.

Patrulhavam todo o mar,
Até um comboio encontrar.
Quando isso sucedia,
O ataque acontecia.

Rápido como o vento num açoite,
As matilhas atacavam à noite.
O almirante Donitz, infelizmente,
Não tinha submarino suficiente.

Em maio de quarenta e um,
Um combate como nenhum.
No mar, de fio a pavio,
Combateram navio a navio.

Bismarck, vaso de guerra alemão,
Deixou Hood fora de ação.
O Prince of Wales foi danificado
E a parar se viu obrigado.

O Bismarck vazando combustível,
Tenta a fuga quase impossível.
Sofrendo ataques constantes
Consegue escapar por instantes.

Dias depois foi localizado,
Sendo novamente atacado.
Teve seu leme atingido,
Logo depois foi destruído.

No começo de quarenta e três,
Os aliados tiveram sua vez.
O avião Liberator de longo curso,
Muda a forma do discurso.

Sua função no ar, à solta,
Era seguir o comboio na escolta.
As perdas inglesas diminuíram,
Submarinos alemães quase extinguiram.

A Alemanha que era tão forte
Fugiu para o Atlântico Norte.
Novos navios pra Grã-Bretanha,
A batalha no mar estava ganha.





Publicado no site: O Melhor da Web em 09/05/2009
Código do Texto: 24291
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.