Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
EstherRogessi - ROGESSI DE ARAUJO MENDES
ROGESSI DE ARAUJO MENDES
Cadastrado desde: 28/03/2009

Texto mais recente: Pacíficos ou Beligerantes?



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de ROGESSI DE ARAUJO MENDES , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=1725

 
Textos & Poesias || Contos
Imprimir - Impressora!
Imprimir
A Viagem Além de mim...
08/06/2009
Autor(a): ROGESSI DE ARAUJO MENDES
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
A Viagem Além de mim...

A Viagem Além de mim...


Parada, estática, eu estava...Tudo via, assistia, ninguém me notava.
Em um amplo salão, macas enfileiradas. Muito baixas, quase rentes ao chão, que encharcado de sangue estava.

Crianças às dezenas, pequenas, mui pequenas! Ocupavam cada leito, que, como grelhas, sobre o fogo ardente se encontravam...
E,    eu... impotente, desesperada a tudo observava.
Estava clara, muito clara a tamanha dor que ali reinava. Expressões de dor atroz, bocas abertas escancaradas...

Braços ao alto, agitados, como a pedir socorro, sem que eu ouvisse som nenhum ou sequer um grito!...
Só expressões faciais... mesmo assim, a linguagem era tão compreensível... No silêncio tudo falava!

No final da fileira das macas, à derreter, estava uma criança sobre às ardentes brasas e nada eu podia fazer, o desespero    me assolava, e eu a gritar, gritar...Em vão, ninguém me escutava.

A visão era tão clara, quanto um ensolarado dia.

Mulheres de roupas comuns, ajoelhadas ao chão, com panos rotos... enxugando o sangue que das macas descia como se fosse água.
Eu podia ver às grandes gotas de sangue, caindo como se fossem bolhas... explodindo em contato com o piso.

Entre às fileiras, ajoelhadas, elas esfregavam os panos que embebiam rapidamente o sangue, que jorrava dos leitos de dor... E a medida que o piso era limpo e ainda úmido, novas fileiras de sangue escorriam das macas.
E assim, ao observar a limpeza que as mulheres faziam, um pensamento imediato veio a mim: “Estão fazendo esta limpeza, porque está por vir alguém, senão não seria assim”...

Foi quando suavemente ouvi uma voz, que me fez entender a visão atroz...

- Estas são crianças espirituais, que em “Minha Casa” são o que querem ser, e agem contrário ao meu querer”.

Que viagem!...

Hadassa Esther. Conto Surreal:A Viagem Além de Mim...Categoria: Narrativa.O Melhor da Web. Copyright.



Publicado no site: O Melhor da Web em 08/06/2009
Código do Texto: 29825
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Total comentários: 2
Obras do(a) Autor(a):