Espaço Literário

O Melhor da Web


Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
sednan - SEDNAN  MOURA
SEDNAN MOURA
Cadastrado desde: 02/11/2009

Texto mais recente: MARIA DE FÁTIMA



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de SEDNAN MOURA , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=3473

 
Textos & Poesias || Social
Imprimir - Impressora!
Imprimir
FAZ DE CONTA
08/11/2009
Autor(a): SEDNAN MOURA
VOTE!
TEXTO ELEITO
32775
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
FAZ DE CONTA

Rio, 16/07/1999.

Faz de conta
Que é um sonho
Faz a conta
E vê como ronho
Faz de conta
Que eu durmo
Faz e aponta
Qual o turno
Faz a ponta
Dessa madeira
Traz pra tonta
Toda a asneira
Faz de conta
Que a peneira
Traz a sombra
Na clareira
Faz tua conta
Das besteiras
Ditas por inteiras
Últimas e primeiras
Das bocas matreiras
Num palco da vida.
Faz de conta
Que não tens ouvidos,
Nem olhos para olhar,
Nem boca para falar
E mente para pensar
Só um rio para chorar.
Faz de conta
Que moras na lua
Ou ainda na rua.
Faz a conta, a tua,
E aponta a nua,
Vergonha, a crua.
E sonha!
E ronha!
Caminhando na rua
Olhando a vida, a sua.
Sem perspectiva
Sem alternativa
Tendo por comitiva
Anônimos vagabundos
E também moribundos
Desfalecidos na calçada.
Faz de conta
Que não é verdade
Fecha teus olhos
A esta grave realidade
Não olhes para o lixo
Onde come o pequenino
Restos tal qual bicho.
Faz de conta
Que não é no teu país
Que é um filme de ficção
Para te fazer infeliz.
Faz de conta
Que não tens coração
Que és ser sem emoção.
Faz de conta
Faz a tua conta
Põe à tua conta
E abre a tua mão
Façamos a nossa parte
Cuidemos desta arte
Para mudar esta vexação.

SEDNAN


Publicado no site: O Melhor da Web em 08/11/2009
Código do Texto: 44985
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.