Espaço Literário

O Melhor da Web


Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
josemiraolongo - JOSEMIR TADEU DE SOUZA
JOSEMIR TADEU DE SOUZA
Cadastrado desde: 27/11/2009

Texto mais recente: Verbo que não vingou..



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de JOSEMIR TADEU DE SOUZA , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=3600

 
Textos & Poesias || Acrósticos
Imprimir - Impressora!
Imprimir
a buscar o que Deus me deu...
28/01/2010
Autor(a): JOSEMIR TADEU DE SOUZA
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
 
49762 a buscar o que Deus me deu... josemiraolongo - JOSEMIR TADEU DE SOUZA
a buscar o que Deus me deu...

Nada faz-se estarrecedor enquanto viajo...
o mesmo trem, o ressonar do apito.
O sorriso, o grito.
A mentira, defeito finito,
que delibera o que restou
e que tanto tentamos matar...

Olhos semi-cerrados,
visagem de campo açambarcado
pela confusa cor, que se afere às estações...
a lembrança das chaminés.
Das meninas, das usinas.
O peso no ar,
e o colo vazio...
que frio!

Adentro-me,    percurso solto,
que toma meu corpo revolto
e desvincula-me de tudo o que ouço...
sou manso, sou feroz.
Sou abruptamente para as línguas, que não discernem,
um tresloucado algoz...

Só sei que assim é minha viagem.
Por vezes, sentimentos lerdos...
por vezes momentos fertéis...
por vezes decepção...
mas sempre minha viagem.
Que não para, pois que dinâmica faz-se,
enquanto a dor tenta me alcançar...

Coitada dessa amargura.
Quantas vezes ela quis levar-me a loucura...
mas viajor que sou
já conheço de cor as trilhas,
onde moram os segredos de minha cura.

E lá vou eu...
feito um réu confesso,
viajante do espaço/terra/tempo.
A buscar o que Deus me deu.

josemir (ao longo...)





Publicado no site: O Melhor da Web em 28/01/2010
Código do Texto: 49762
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.