Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto


Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de JOSÉ APRÍGIO DA SILVA. , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=799

 
Textos & Poesias || Acrósticos
Imprimir - Impressora!
Imprimir
*** NÃO QUERO MAIS AMAR NINGUÉM ***
11/04/2010
Autor(a): JOSÉ APRÍGIO DA SILVA.
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
*** NÃO QUERO MAIS AMAR NINGUÉM ***


N*Neste momento decidi não mais amar ninguém, chega
A*Amá-la me fez sofrer, o seu amor já não me ama mais.
O*O seu coração já não é mais o mesmo, não se entrega.

Q*Queria eu ter o poder modificar o tempo te fazer outra
U*Unir novamente os nossos sentimentos reeditar o amor
E*Eu estava sem você, só eu não sabia que eu era a sobra.
R*Rio de lágrima, eu chorei não duvidava do seu desamor.
O*Ousei querendo-te, o amor é uma troca, não se compra.

M*Muitas vezes percebi, que você parecia querer se vender.
A*Ainda bem que eu consegui-me libertar, acordei do sonho.
I*Incrédulo estava, eu vi as suas traições e o seu jeito de ser.
S*Sua vida já era falada, não acreditava tudo soava estranho.

A*Agora me vejo assim forçado a dizer-te: Um triste adeus!
M*Minha vida, eu depositei em suas mãos, agora me arrependo.
A*Antes tarde do que nunca, mais é preciso ser assim: Adeus!
R*Reconheço que errei foi amor demais, um dia eu aprendo.

N*Nunca havia amado alguém assim, fique sendo o seu refém.
I*Impiedosamente você machucou todos meus sentimentos.
N*Nosso amor do mar tinha as cores, hoje já não me convém.
G*Grande foi o nosso amor, não sou de guardar ressentimentos.
U*Uma poucas vezes me disse amar, eu era peça do seu harém.
E*Eu acreditei, não me venhas mais com seus falsos fingimentos
M*Mágoas, elas existem, agora não quero mais amar ninguém...

José Aprígio da Silva
“Lorde dos Acrósticos”
Águas Lindas de Goiás/GO
Sexta-feira, 02 de Abril de 2010 – 08h42.


Publicado no site: O Melhor da Web em 11/04/2010
Código do Texto: 53287
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):