Espaço Literário

O Melhor da Web


Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
tanatus - Phillipe Öyiivän Velásquez
Phillipe Öyiivän Velásquez
Cadastrado desde: 13/04/2010

Texto mais recente: As Flores do Ipê…



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de Phillipe Öyiivän Velásquez , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=4073

 
Textos & Poesias || Loucura
Imprimir - Impressora!
Imprimir
* A Feiticeira de Córdoba
23/04/2010
Autor(a): Phillipe Öyiivän Velásquez
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
* A Feiticeira de Córdoba

Na tua formosura, eras tão bela!
O negro olhar fulgindo infinitos!
Fustigava, como toda a procela,
Encobrindo na chuva, mil gritos!

Sorrias em tão sorrisos expostos,
No mais fulgente sorriso-carmim!
E fulgias teus sorrisos nos rostos,
Nos risos que te fulgiam sem fim!

Mas a “Santa Inquisição” adveio,
Condenando tuas mágicas artes!
E te aprisionando todo o anseio,
Ousou te cortar toda em partes!

E atirada na cela, assim, ficaste,
Esboçando em idéia - um navio!
E bem ao carcereiro - indagaste:
Que falta neste desenho vazio?!

Na derradeira vez que inquiriste,
Sobre o esboço - e tal conceito!
Tanto ele, respostou-te em riste:
Está - como um todo -, perfeito!

E destarte - na cela encarcerada,
Finalizaste o desenho na parede!
E muito, assim - toda encantada,
Partiste para o além dentro dele!

(Öyiivän - 12/05/2009)

* Poema baseado na Lenda da “Mulata de Córdoba”, uma bela feiticeira
que foi encarcerada pela “Santa Inquisição”,    acusada de praticar artes mágicas,
e que, dentro da cela, passou a desenhar um navio na parede,
sempre perguntando ao seu carcereiro, o que faltava para que
o navio ficasse pronto, e este sempre respondia que faltava algo,
e, quando, da resposta final, quando o carcereiro disse que estava todo perfeito,
a feiticeira entrou dentro do navio e partiu para o além, através da parede da cela...
“Quem crê em contos de feiticeiras, que comece a pintar navios nas paredes!”



Publicado no site: O Melhor da Web em 23/04/2010
Código do Texto: 54171
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.