Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
williansheik - WILLIAN ARAÚJO SOUSA
WILLIAN ARAÚJO SOUSA
Cadastrado desde: 10/07/2009

Texto mais recente: Perdoar



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de WILLIAN ARAÚJO SOUSA , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=2614

 
Textos & Poesias || Dedicatórias
Imprimir - Impressora!
Imprimir
A Impunidade dos Monstros
05/04/2011
Autor(a): WILLIAN ARAÚJO SOUSA
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
A Impunidade dos Monstros

Por tantos crimes escabrosos
Por tantas mortes violentas
Pelas torturas, pelo espólio
Pelas chacinas sangrentas
Por tantas mulheres assassinadas.
Por tanto orgulho machista
Por tanta ordem desordenada
Por tantas ideias malignas
Pela caça às pessoas desprovidas de reação.
Pelos desaparecimentos de tantos.
Pela frieza em maquiavélicas tramoias
Por tantos atos secretos não revelados
Por todas essas mostruosidades
Os responsáveis, vivos, têm de ser culpados.


( Não são dignos de branda sentença, se não forem julgados aqui, serão julgados sem misericórdia algum dia, dia em que como disse Einstein: "guerrea-se-á com paus e pedras".)

Willian Araújo Sousa



Publicado no site: O Melhor da Web em 05/04/2011
Código do Texto: 74571
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):