Espaço Literário

O Melhor da Web



Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
vedovello - DECIO VEDOVELLO
DECIO VEDOVELLO
Cadastrado desde: 31/07/2009

Texto mais recente: Madrugada



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de DECIO VEDOVELLO , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=2811

 
Textos & Poesias || Prosa Poética
Imprimir - Impressora!
Imprimir
A Carta
28/10/2011
Autor(a): DECIO VEDOVELLO
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
 
84689 A  Carta vedovello - DECIO VEDOVELLO
A Carta

Deu-se o conhecimento
no acontecimento
de um casamento.

Num magote de donzelas,
umas feias,outras belas,
sobressaia dentre elas
a mais tagarela,
dona de louros cabelos,
falava pelos cotovelos.

Como a ocasião
era para bom ladrão
aproveitou a ocasião
e logo ao vê-la
ele lhe tomou a mão:
"Prazer em conhecê-la".
A resposta veio num sorriso,
esconderijo de aviso
curto,conciso e preciso:
"Inferno ou paraíso".

Início duma amizade
sem leviandade,
como de bons amigos
já de tempos antigos.
Depois d'alguns abraços
estreitaram-se os laços.

Ela seguiu sua sorte,
arranjou um consorte,
rapaz descuidado e pedante;
os amantes presos como antes,
numa estreita proximidade
desprovida de maldade!...

Não há mal que sempre dure
nem alegria que perdure...
o acaso deu começo
a um grande tropeço.
Carteiro diligente,
pouco inteligente
entrou em rua errada
entregou noutra morada
uma carta registrada...
nela havia o lindo retrato,
da moça,sem qualquer recato.

Aí a vaca foi pro brejo...
o rato comeu o queijo...
De dileto companheiro
ele virou encrenqueiro,
peste "fofoqueiro".

Enquanto a tempestade não acaba
ele fica quieto,fazendo nada,
esperando que tudo se acabe
e volte como era dantes
na casa do seu Abrantes.
Quando?...Nem Deus sabe!









Publicado no site: O Melhor da Web em 28/10/2011
Código do Texto: 84689
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):


Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.