Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
ventura - JOÃO NUNES VENTURA
JOÃO NUNES VENTURA
Cadastrado desde: 20/04/2011

Texto mais recente: A TUA BELEZA



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de JOÃO NUNES VENTURA , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=5300

 
Textos & Poesias || Solidão
Imprimir - Impressora!
Imprimir
BEIJA-FLOR MENSAGEIRO
05/01/2012
Autor(a): JOÃO NUNES VENTURA
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
BEIJA-FLOR MENSAGEIRO

      BEIJA-FLOR MENSAGEIRO
            João Nunes Ventura-01/2012

Nas estreladas noites ando sozinho
Sem saber aonde é que vou parar,
Não encontro quem veio pra me amar
Sou aquele que um dia você sonhou,
Nossas pernas foram feitas para andar
E pelo mundo eu saio lhe procurando,
Vou dormir e em você fico pensando
Meu coração ainda não a encontrou.

Em tempos não se acha quem se deseja
Para lhe notar querida ao mundo eu vim,
Ai quem me dera amor amar assim
Na minha vida inteira me perguntando,
Quantas vezes a lua mimosa e branca
Sua face linda e risonha desenhou,
E o seu rosto concluído me mostrou
Até meu coração enfeitiçado amando.

Um jardim de flores aromatizadas
O meu triste caminho perfumou,
Fiquei confiando passar o meu amor
Que o destino me falou a acreditar,
Quando no vale a brisa ainda dorme
Meus pés deixaram rastros no chão,
Na árvore bela fantasiei uma canção
Sua sombra foi o alívio do meu penar.

Quantas noites mal dormidas na solidão
Dentro de mim um rio cheio de mágoa,
Os meus olhos choravam gotas de água
No meu sonho fez morada o seu amor,
Numa tarde quente cansado e saudoso
Sua imagem atada ao meu pensamento,
Em devaneios devorei esse momento
Do beijo seu que me trouxe um beija-flor.







Publicado no site: O Melhor da Web em 05/01/2012
Código do Texto: 87217
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):