Espaço Literário

O Melhor da Web

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.


Busca por Autores (ordem alfabética)
Busca Geral:
Nome/login (Autor)
Título
Texto
kuryos - Silvio Dutra
Silvio Dutra
Cadastrado desde: 29/08/2012

Texto mais recente: A Paz do Diabo e a Paz de Deus



Necessita estar logado! Adicionar como fã (necessita estar logado)
 
Recado
Contato

Conheça a Página de Silvio Dutra , agora só falta você!
http://www.poesias.omelhordaweb.com.br/pagina_autor.php?cdEscritor=6704

 
Textos & Poesias || Evangélicas
Imprimir - Impressora!
Imprimir
Predição da Morte de Moisés – Números 27
22/12/2012
Autor(a): Silvio Dutra
VOTE!
TEXTO ELEITO
0
Após 100 votos, o Texto Eleito será exibido em uma página que irá reunir somente os mais votados.
Só é permitido um voto por Internauta por dia.
Achou o texto ótimo, VOTE! Participe!
ELEJA OS MELHORES TEXTOS DA WEB!
Predição da Morte de Moisés – Números 27

A menção às filhas de Zelofeade, um dos cabeças da tribo de Manasses, foi feita no capítulo anterior (Números 26.33), na contagem dos israelitas, porque configurava uma situação particular para a distribuição da herança que seria feita em Canaã, e que é considerada e tratada neste capítulo 27º capitulo de Números, tendo dado ocasião ao estabelecimento da parte do Senhor, para definição de herança, nos casos de alguém não ter tido filhos do sexo masculino.
Como era este o caso de Zelofeade, suas filhas receberiam herança em Canaã, porque a lei estabelecida pelo Senhor foi a seguinte: Se alguém morresse não deixando filho do sexo masculino, a sua herança passaria às filhas; e se não tivesse nem filho nem filha, os herdeiros seriam seus irmãos; e caso não tivesse irmão, os herdeiros seriam seus tios paternos; e se ainda não tivesse tios, o herdeiro seria o parente mais próximo de sua família (v. 8-11).
Caso esta lei não fosse criada as filhas de Zelofeade, cujo pai já havia morrido, teriam ficado sem herança, bem como todos os que se encontravam na mesma condição delas, porque somente os homens de vinte anos para cima foram contados para efeito de distribuição de herança na terra de Canaã.   
Nos versos 12 a 23 nós vemos Deus ordenando a Moisés que subisse ao monte Abarim, a cadeia de montanhas onde ficava o monte Nebo, para contemplar dali a terra de Canaã, que estava do outro lado do rio Jordão, e que depois que Ele visse a terra ele seria recolhido ao seu povo, assim como fora Arão.
A morte dos servos de Deus não é para aniquilamento, destruição, mas para serem reunidos a seus irmãos na fé e a todos os seres celestiais que habitam no céu.
Mais uma vez é citado pelo Senhor o motivo porque tanto ele quanto Arão haviam sido impedidos de entrarem em Canaã: a contenda das águas de Meribá, de Cades, em que Moisés e Arão foram rebeldes à palavra do Senhor, não lhe tendo santificado diante dos filhos de Israel (v. 12-14).
Deus é o Pastor de Israel, e o pastor cuida das suas ovelhas e lhes dá de beber quando têm sede, e especialmente Moisés deixou de manifestar este caráter de Deus ao Seu povo naquela ocasião em Meribá, e é muito interessante observar que ele agora manifesta este caráter pastoral em relação ao povo, mesmo sabendo que não entraria com eles em Canaã, pois morreria segundo o modo que Deus lhe havia revelado como passaria à glória celestial.
Então ele roga ao Senhor que colocasse um homem sobre a congregação para que não fossem como ovelhas que não têm pastor (v.17).
Deus lhe ordenou então que tomasse a Josué, em quem havia o Espírito Santo, e lhe impusesse a mão, e o apresentasse ao sumo sacerdote Eleazar, e que diante de todo Israel lhe passasse a comissão de ser o seu sucessor (20-23).      
“Oh, vinde, adoremos e prostremo-nos; ajoelhemos diante do Senhor, que nos criou. Porque ele é o nosso Deus, e nós povo do seu pasto e ovelhas que ele conduz. Oxalá que hoje ouvísseis a sua voz: Não endureçais o vosso coração como em Meribá, como no dia de Massá no deserto, quando vossos pais me tentaram, me provaram e viram a minha obra.” (Sl 95.6-9).
Neste Salmo se vê claramente que apesar do endurecimento dos israelitas em Meribá e Massá, Deus é o Pastor de Israel, e o Seu povo são as ovelhas do seu pasto que ele conduz.
Foi este cuidado e bondade de Deus que Moisés deixou de demonstrar ao povo em Meribá, e falhou como líder que estava encarregado de lhes revelar a bondade, a graça, o amor de Deus pelo seu povo, naquela ocasião, e isto lhe custou ter sido impedido de entrar em Canaã, para que ficasse marcado para os israelitas em todas as suas gerações que é o Senhor o Pastor de Israel, que conduz o Seu povo e lhe faz entrar na posse da herança que lhe está reservada, e não Moisés ou qualquer outro líder terreno, porque até mesmo estes são servos na casa de Deus, e também dependentes do Seu cuidado pastoral, favor e graça.   



“1 Então vieram as filhas de Zelofeade, filho de Hefer, filho de Gileade, filho de Maquir, filho de Manassés, das famílias de Manassés, filho de José; e os nomes delas são estes: Macla, Noa, Hogla, Milca e Tirza;
2 apresentaram-se diante de Moisés, e de Eleazar, o sacerdote, e diante dos príncipes e de toda a congregação à porta da tenda da revelação, dizendo:
3 Nosso pai morreu no deserto, e não se achou na companhia daqueles que se ajuntaram contra o Senhor, isto é, na companhia de Corá; porém morreu no seu próprio pecado, e não teve filhos.
4 Por que se tiraria o nome de nosso pai dentre a sua família, por não ter tido um filho? Dai-nos possessão entre os irmãos de nosso pai.
5 Moisés, pois, levou a causa delas perante o Senhor.
6 Então disse o Senhor a Moisés:
7 O que as filhas de Zelofeade falam é justo; certamente lhes darás possessão de herança entre os irmãos de seu pai; a herança de seu pai farás passar a elas.
8 E dirás aos filhos de Israel: Se morrer um homem, e não tiver filho, fareis passar a sua herança à sua filha.
9 E, se não tiver filha, dareis a sua herança a seus irmãos.
10 Mas, se não tiver irmãos, dareis a sua herança aos irmãos de seu pai.
11 Se também seu pai não tiver irmãos, então dareis a sua herança a seu parente mais chegado dentre a sua família, para que a possua; isto será para os filhos de Israel estatuto de direito, como o Senhor ordenou a Moisés.
12 Depois disse o Senhor a Moisés: sobe a este monte de Abarim, e vê a terra que tenho dado aos filhos de Israel.
13 E, tendo-a visto, serás tu também recolhido ao teu povo, assim como o foi teu irmão Arão;
14 porquanto no deserto de Zim, na contenda da congregação, fostes rebeldes à minha palavra, não me santificando diante dos seus olhos, no tocante às águas (estas são as águas de Meribá de Cades, no deserto de Zim).
15 Respondeu Moisés ao Senhor:
16 Que o senhor, Deus dos espíritos de toda a carne, ponha um homem sobre a congregação,
17 o qual saia diante deles e entre diante deles, e os faça sair e os faça entrar; para que a congregação do Senhor não seja como ovelhas que não têm pastor.
18 Então disse o Senhor a Moisés: Toma a Josué, filho de Num, homem em quem há o Espírito, e impõe-lhe a mão;
19 e apresenta-o perante Eleazar, o sacerdote, e perante toda a congregação, e dá-lhe a comissão à vista deles;
20 e sobre ele porás da tua glória, para que lhe obedeça toda a congregação dos filhos de Israel.
21 Ele, pois, se apresentará perante Eleazar, o sacerdote, o qual por ele inquirirá segundo o juízo do Urim, perante o Senhor; segundo a ordem de Eleazar sairão, e segundo a ordem de Eleazar entrarão, ele e todos os filhos de Israel, isto é, toda a congregação.
22 Então Moisés fez como o Senhor lhe ordenara: tomou a Josué, apresentou-o perante Eleazar, o sacerdote, e perante toda a congregação,
23 impôs-lhe as mãos, e lhe deu a comissão; como o Senhor falara por intermédio de Moisés.” (Nm 27.1-23).


Publicado no site: O Melhor da Web em 22/12/2012
Código do Texto: 99781
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO! É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!
Caderno Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Obras do(a) Autor(a):