Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
AGOSTINHO M. DA COSTA

Sou dono do meu silencio e das minhas palavras,mas nem sempre o que penso é compreendido.
Agostinho Costa - AGOSTINHO M. DA COSTA
RSS - As recentes de:AGOSTINHO M. DA COSTA
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



AGOSTINHO M. DA COSTA
Aniversário: 28/08
Cadastrado desde: 06/05/2008 -

Texto mais recente: Sofisma no Amor

Textos & Poesias || Poema

Imprimir
Navegando com a solidão,
19/05/2017
Autor(a): AGOSTINHO M. DA COSTA

Navegando com a solidão,

No espinho de uma negra solidão
Zingro o mar como um veleiro
Em busca de um cais, uma doce ilusão!
Que afogue essa sofrida saudade
Esse abandono nos meus olhos
Que fixou uma triste desilusão...

Na ária dessa solidão que estou navegando
Sou um timoneiro contando estrelas e de alma triste
Num mar imenso de esperança nos ventos, e ondas vindas!
Que navegue comigo em outros mares, ou rios!
Inebriado de sonhos com uma nova ilusão, numa sincera amizade!
Abrigue meu coração, num derradeiro abrigo...





Publicado no site: O Melhor da Web em 19/05/2017
Código do Texto: 134978
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs