Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
AGOSTINHO M. DA COSTA

Sou dono do meu silencio e das minhas palavras,mas nem sempre o que penso é compreendido.
Agostinho Costa - AGOSTINHO M. DA COSTA
RSS - As recentes de:AGOSTINHO M. DA COSTA
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



AGOSTINHO M. DA COSTA
Aniversário: 28/08
Cadastrado desde: 06/05/2008 -

Texto mais recente: Castelo de Amor

Textos & Poesias || Poesia

Imprimir
Quem És Tu?
15/09/2017
Autor(a): AGOSTINHO M. DA COSTA

Quem És Tu?

Podes ser qualquer coisa
Uma gota de orvalho na folha
Um rio cortando a ponte
Quando sorris és linda
A mais linda mulher do lugar
Não falo das suas pernas e braços
Sua aparência é de infinita beleza
Tudo em ti, é de admirar...

Há brilhos nos seus olhos
Quando encontra outro olhar
O ciúme me aniquila
Mas seu sorriso é meu caminho
Brilham mais que, as estrelas!
Iluminam mais que o sol, e o luar...

Podes ser um barco distante
O mais bonito que existe no mar
O perfume no vale das flores
Uma ave cantando ou plainando
Um casal, ou animais se amando
O sol banhando a estrada
Sempre existirás no meu sonhar...

Quando em meus braços
Tu és o maior amor
Iluminando meus caminhos escuros
Traz tudo que é bonito no mundo
Faz a vida em mim acontecer...

Não há falácias no que digo
Fazes partes do meu destino
Podes ser tudo...
O céu, a terra, o mar!
Nasceste para eu te amar...


Publicado no site: O Melhor da Web em 15/09/2017
Código do Texto: 135484
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs