Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
WILSON DE OLIVEIRA CARVALHO

SOU O QUE NINGÉM POR SER POR MIM, PORTANTO,ÚNICO.
Wil - WILSON DE OLIVEIRA CARVALHO
RSS - As recentes de:WILSON DE OLIVEIRA CARVALHO
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



WILSON DE OLIVEIRA CARVALHO
Aniversário: 05/05
Cadastrado desde: 24/08/2008 -

Texto mais recente: PRECISO

Textos & Poesias || Amor

Imprimir
QUEM SABE EU CONSIGA...
11/01/2018
Autor(a): WILSON DE OLIVEIRA CARVALHO

QUEM SABE EU CONSIGA...

Sua presença perenal nunca   
cessará seja ela em que tempo
for, quer na tristeza de uma
solidão ou em algum momento
em que reluzir sua intensa magia.


Só eu que sei o quanto faz falta essa
claridade da refletida luz que ilumina
até as trevas, só eu sei quanto sou despojado
quando    não estás.


Assim, quando nas ondas de uma
ausência forçando uma lembrança
a mais, ao longe se ouve um perpétuo murmúrio
do doce choro de uma cascata...

Quando aportar e para que não mais
sofra, vou implorar para que em sua nova
carência deixe os teus lábios rubros de encantos somente para os meus beijos quem sabe eu consiga existir...


Publicado no site: O Melhor da Web em 11/01/2018
Código do Texto: 136317
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs
Sou Fã de...