Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
MANUELA

A poesia é ao mesmo tempo um esconderijo e um altifalante (Nadine Gordimer)
Manu - MANUELA
RSS - As recentes de:MANUELA
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



MANUELA
Aniversário: 22/08
Cadastrado desde: 23/04/2012 -

Texto mais recente: O comedor de fogo (Paulo Plínio Abreu) (+tradução italiana)

Textos & Poesias || Poema

Imprimir
O muro (Manoel de Barros) (+tradução italiana)
09/10/2017
Autor(a): MANUELA

O muro (Manoel de Barros) (+tradução italiana)

O menino contou que o muro da casa dele era
da altura de duas andorinhas.
(Havia um pomar do outro lado do muro.)
Mas o que intrigava mais a nossa atenção principal
Era a altura do muro
Que seria de duas andorinhas.
Depois o garoto explicou:
Se o muro tivesse dois metros de altura
qualquer ladrão pulava
Mas a altura de duas andorinhas nenhum ladrão
pulava.
Isso era.

no livro "Poemas Rupestres", 2004
____________________________________


Tradução italiana de Manuela Colombo



Il muro

Il bambino spiegò che il muro della sua casa
misurava due rondini.
(C’era un frutteto dall’altra parte del muro.)
Ma quel che attirava maggiormente la nostra attenzione
Era l’altezza del muro
Che sarebbe di due rondini.
Poi il ragazzo chiarì:
Se il muro fosse stato alto due metri
qualunque ladro poteva saltarlo
Ma l’altezza di due rondini nessun ladro
l’avrebbe saltata.
Ecco com’era.



Publicado no site: O Melhor da Web em 09/10/2017
Código do Texto: 135633
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs