Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
DIRCEU DETROZ

dirceu - DIRCEU DETROZ
RSS - As recentes de:DIRCEU DETROZ
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



DIRCEU DETROZ
Aniversário: 29/01
Cadastrado desde: 27/12/2012 -

Texto mais recente: À ESPREITA (Dirceu Detroz)

Textos & Poesias || Crônicas

Imprimir
MEU HERÓI SETENTÃO (Dirceu Detroz)
03/12/2018
Autor(a): DIRCEU DETROZ

MEU HERÓI SETENTÃO (Dirceu Detroz)

Ele está completando setenta anos. Caubói da época do faroeste nasceu italiano.    Não é tão famoso quanto os heróis da Marvel. Nunca vi ou li a grande mídia falando dele. Apresentado seu nome ao Google, descobriremos que é cultuado por milhões de fãs espalhados pelo mundo. Quem escreve esta crônica é apenas mais um.

Ele também nunca ganhou sequências de filmes daquelas que lotam os cinemas. Nunca esteve na lista das maiores bilheterias. O único filme baseado no seu personagem estreou em 1985. Em português tem o título de “O senhor do Abismo”, e foi interpretado pelo ator Giuliano Gemma, um dos mocinhos mais famosos do cinema.

Estou falando de Tex Willer. Como não poderia deixar de ser, em comum com os outros heróis Tex está sempre ao lado do bem lutando contra o mal. É quase como levar um soco no queixo ou no estômago, descobrir que sem ser na ficção não existem heróis, entretanto, malfeitores e fora-da-lei proliferam na nossa realidade.

Tex Willer foi criado pelos italianos Giovanni Luigi Bonelli roteirista e Aurelio Gallepini desenhista em 1948. No dia 30 de setembro daquele ano apareceu a primeira história que se chamava “O Totem Misterioso” A frase do primeiro balão transformou-se em cult para os fãs: “Por todos os diabos, será que ainda estão nas minhas costas? ”

As aventuras de Tex Willer se passam entre os anos de 1860 e 1890. No início Tex era um solitário fora-da-lei tornando-se mais tarde um Ranger do Texas. Além de Ranger Tex Willer é conhecido como chefe da tribo Navajo. A camisa amarela nas capas das edições é quase uma marca registrada do herói.

No Brasil as edições de Tex Willer apareceram em 1971 pela Editora Vecchi. Passou depois por RGE, Globo e a partir da edição 351 “Um bando de Irlandeses” em fevereiro de 1999, passou a ser editado pela Mythos Editora. Acabei vendendo minha pequena coleção formada já com reedições. Claro que não recuperei o que gastei. Antes de escrever este texto, encontrei entre minhas coisas antigas as edições 351 e 352.

Na histórica edição 47 conhecemos um pouco da família de Tex Willer, e os eventos que transformaram o vaqueiro de rancho no Texas em um justiceiro implacável. Enquanto Tex trabalha num circo e faz parte de rodeios com seu cavalo Dinamite fica sabendo do assassinato do seu irmão Sam. Então parte buscando vingança.

Chegando a edição 588 “O Mensageiro Chinês”, raramente Tex Willer aparece sozinho lutando contra os malfeitores nas aventuras. Ao seu lado estão o divertido e pessimista Kit Carson com seu cavanhaque inconfundível, e o índio navajo Jack Tigre. Muitas vezes, seu filho Kit Willer também aparece.

Em que outro lugar senão num gibi, um herói setentão teria fãs já sessentões?


Publicado no site: O Melhor da Web em 03/12/2018
Código do Texto: 138777

AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs
  • Adicionar como fã (necessita estar logado)
    Vai para a página Geral dos Fãs!
    Catherine
     
     
Sou Fã de...
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.