Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
BEATRIZ NAHAS PINTO

Seja a mudança que você quer ver no mundo!(Gandhi)
Bia Nahas  - BEATRIZ NAHAS PINTO
RSS - As recentes de:BEATRIZ NAHAS PINTO
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



BEATRIZ NAHAS PINTO
Aniversário: 31/03
Cadastrado desde: 10/01/2016 -

Texto mais recente: Uma Cama Gritou

Textos & Poesias || Amizade

Imprimir
Sinal de Vida, com Rômulo Reis Oliveira
24/06/2020
Autor(a): BEATRIZ NAHAS PINTO

Sinal de Vida, com Rômulo Reis Oliveira

PRIMEIRA VERS˜AO DA POESIA

Querido amigo,
Eu estava tão pra baixo
E me sentindo tão "deprê"
E de forma inesperada
Eu conheci assim você.
Eu estava assim tão só
Enrolado num grande nó,
Mas sua amizade genuína
Foi o ponto de partida,
pois deu-me um sinal de vida
Desalinhando a minha ruína.

Querida amiga,
Eu também estava triste
Deixando debaixo da coberta
O sinal de vida que persiste
Em caminhar pela estrada certa
Aprisionada nos meus medos.
A alegria escapava entre os dedos,
Sem a esperança que agora nos refrigera,
Assim que simplesmente decidi
E, de vez então, me abri
Para essa amizade sincera.


SEGUNDA VERS˜AO DA POESIA

Querido amigo,
Quando eu estou tão pra baixo
E me sentindo tão "deprê",
de forma inesperada
eu me lembro assim de você.
Quando estou assim tão só
Enrolado num grande nó,
a sua amizade genuína
me inspira como um ponto de partida
Dando-me um sinal de vida
E despertando-me da minha ruína.

Querida amiga,
Quando também me sinto triste,
lembro de você e vejo debaixo da coberta
O sinal de vida que persiste
Em caminhar pela estrada certa
que as vezes aprisiona os meus medos
E a alegria que se escapa entre os meus dedos.
Com você, a esperança em mim se refrigera
A partir do momento quando simplesmente me permiti e decidi
A, de vez então, me abrir
Para essa amizade sincera.

Referência: Essa segunda versão foi feita a partir da poesia anterior em que foi uma interação com o poeta e amigo Rômulo Reis Oliveira do Maranhão.

Publicado no site: O Melhor da Web em 24/06/2020
Código do Texto: 141507
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.