Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
BEATRIZ NAHAS PINTO

Seja a mudança que você quer ver no mundo!(Gandhi)
Bia Nahas  - BEATRIZ NAHAS PINTO
RSS - As recentes de:BEATRIZ NAHAS PINTO
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



BEATRIZ NAHAS PINTO
Aniversário: 31/03
Cadastrado desde: 10/01/2016 -

Texto mais recente: Futuro Amor

Textos & Poesias || Reflexões

Imprimir
Uma Palavra Secreta
07/09/2020
Autor(a): BEATRIZ NAHAS PINTO

Uma Palavra Secreta

Há uma palavra atualmente
que parece gravada na mente
como uma mensagem da minha mãe querida
ou como um sinal do anjo da minha vida.

É uma palavra que apareceu numa leitura
e agora não sai da memória feito gravura.
Imagino cada letra, sílaba e fonema.
Escuto o seu som num som de cinema.

Quando estiver ouvindo
As vozes de pessoas me diminuindo
em detrimento daquelas que me ajudam,
Eu me lembrarei do perfume que exalam...

É uma palavra como um mantra.
É uma oração para tornar-me mansa.
Escutarei meu sentimento
e o que estou me dizendo.

A partir dessa palavrinha mágica,
escreverei uma nova página
procurando não me violentar
julgando o sentimento que eu quiser falar.

No quarto escuro,
uma voz pesada escuto
E sinto todo o vazio do lamento
de me sentir como um jumento.

Essa voz pesada contra meu mundo
aterroriza-me reduzindo o segundo
A um verme insignificante
como o meu eu semelhante...

A voz da sombra enfatiza
o quanto eu sou um verme na vida
que no esgoto apodrecerá
com um futuro que me decepcionará.

Para quê viver então?
Para quê bater um coração
fadado a decepções e lágrimas
incapaz de aprender com as mágoas?

Essa voz pesada é muito também devido
À nossa cultura violenta ainda incidindo
que faz a gente não saber se expressar
e não saber as palavras melhores para usar...

Essa voz pesada veio de alguém
que não está isenta também
de ser violenta com ela mesma
já que dita aos outros uma sentença.

A sentença do que é correto
ignora o egoísmo secreto
da possibilidade de olhar
por diferentes ângulos um mesmo lugar.

Estamos em construção
A cada situação.
Não sou o mesmo de anos atrás.
Me sinto mutável cada vez mais...

Se eu me vejo mudando,
consigo ver o outro transformando
tudo a seu tempo,
tudo a seu jeito...

Não determinarei o fim da minha vida
por causa de alguém que desconhece a empatia.
Procurarei me olhar de perto com ternura,
Quando ouvir essas vozes pesadas em amargura.

Sempre que ouvir no quarto escuro
essas vozes pesadas contra meu eu profundo,
Eu procurarei me lembrar da palavra mágica
"Refazer-se" para escrever uma nova página.

Quero procurar me refazer e me ver
Não mais como verme, mas sim,    me perceber
como uma humana que se desconstrói
A cada dia nessa cultura violenta que dói...   

Quero refazer-me a cada segundo
dando valor a ele para o meu mundo
poder se reconstruir dinamicamente
ao me ver como uma mutável vivente.

Publicado no site: O Melhor da Web em 07/09/2020
Código do Texto: 141686
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.