Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
PAULO FONTENELLE DE ARAUJO

phfonte - PAULO  FONTENELLE  DE  ARAUJO
RSS - As recentes de:PAULO FONTENELLE DE ARAUJO
&nbnsp;
 

----------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE! Quero incluir Textos! É GRÁTIS, É fácil, É simples, EU POSSO!



PAULO FONTENELLE DE ARAUJO
Aniversário: 20/01
Cadastrado desde: 06/03/2018 -

Texto mais recente: ALMA SURDA

Textos & Poesias || Poema

Imprimir
ALMA SURDA
04/12/2018
Autor(a): PAULO FONTENELLE DE ARAUJO

ALMA SURDA

O vento que passa por ti,
na verdade sai do teu corpo.
Ele é tua alma surda,
uma aparição que se move
porque espera dizer algo
respirar o ar marinho
da inocência amorosa,
cantar um lamento
para se abeirar da aliança exata,
mas dali sai um uivo,
dor revolvida.

O vento que surge de ti
é tua alma surda,
teu fantasma adolescente
brilha a noite,
quer se encantar,
flor espontânea,
mas das pétalas surgem nuvens,
acúmulo de dores,
amores em chamas.

O que surge da viração de ti
não sabe amar.
Mas resta ao fantasma atravessar as paredes,
declamar o verso rejuvenescido
da musa que tu não atingirá,
não sem antes fumar o brilho lúcido
do cigarro aflitivo.

Do livro:"Adversos e outros momentos"

Publicado no site: O Melhor da Web em 04/12/2018
Código do Texto: 138780

AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA!
DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!


Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto


CLIQUE AQUI! PARA LER OS TEXTOS CADASTRADOS!
ESSE LINK VAI PARA A PÁGINA PARA EXIBIÇÃO DOS TEXTOS!

Galeria de Fãs
  • Adicionar como fã (necessita estar logado)
Sou Fã de...
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parceria de Sucesso entre o site Poesias www.omelhordaweb.com.br e o www.efuturo.com.br
Confira. Adicione seus textos nele. O eFUTURO já começou.

Indicamos:Efuturo.com.br - Efuturo é uma Rede Social de Conhecimento, Ensino, Aprendizado Colaborativo, Jogos Educativos e Espaço Literário.