Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
EDUARDO EUGÊNIO BATISTA

A vida não procura a morte, se você sabiamente, não optar por merecê-la!
Setedados - EDUARDO EUGÊNIO BATISTA

Textos & Poesias || Sonetos
Imprimir
A FORÇA DO LUAR - Poesia nº 25 do meu primeiro livro "Em todos os sentidos"
Autor(a): EDUARDO EUGÊNIO BATISTA
A FORÇA DO LUAR - Poesia nº 25 do meu primeiro livro "Em todos os sentidos"

Com este clarão que a lua me alumia,
Na mensagem a ler meu peito aberto;
Faz-me o que o querer já me consumia,
Desejar tê-la e amá-la mais de perto!

Luar, que me devora, comungando
A minha admiração por tal beleza...
Eu, nela humildemente vou entrando,
Pelo imenso portal da realeza!

E no seu hipnotismo - uma carona,
Que este meu ser, do mundo lá se esquece,
Quando sua força vem, bem na hora exata!

É o íntimo amor dela que apaixona,
Por atrações que não só se enlouquece,
Mas, se vive e também, até nos mata!




Eduardo Eugênio Batista
@direitos autorais registrados e protegidos por lei

Publicado no site: O Melhor da Web em 02/08/2015
Código do Texto: 127326
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!
É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!

Comente esse Texto - Seja o primeiro a comentar!
Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto
Meus Textos...




[ 1291 ] Texto s indicado s , porém não é o autor.




Galeria de Fãs