Visitante, seja Bem-Vindo! 
Novo Cadastro
Esqueceu a Senha?

Login: 
Senha:
WILLIAM MENDONÇA

Minha poesia é fugaz e inútil maresia, raiz de ventania ...
willmendonca - WILLIAM MENDONÇA

Textos & Poesias || Poesia
Imprimir
A AREIA FINA
Autor(a): WILLIAM MENDONÇA
A AREIA FINA

Meu olhar amanheceu
Chuvoso, na feia janela
Do quarto de amar.
Busquei o desenho
Em que te fiz obra minha,
E então te lembrei ...

Tuas mãos me chamavam,
Teu corpo imerso na areia fina do tempo
Sustentava meus desejos,
Confortava o rosto.

Na televisão, o chiado característico
Do tempo passado
(lembrei de algum seriado antigo,
e perdi as certezas da vida
nas viagens que não fiz)

Ainda havia do quarto
Um resto de ti,
Um brilho vago,
Ou seria um sonho?

No último ato
Levaste em teu colo
A areia fina do tempo,
E hoje eu amanheço
Como se fosse noite ...


(Direitos reservados. Visite www.williammendonca.com)

Publicado no site: O Melhor da Web em 20/06/2011
Código do Texto: 78625
AQUI VOCÊ INTERAGE DIRETAMENTE COM O(a) AUTOR(a) DA OBRA! DEIXE UM COMENTÁRIO REFERENTE AO TEXTO!
É FÁCIL, É LEGAL, VALE A PENA!

Comente esse Texto - Total comentários: 2
Busca Geral:
Título
Texto Título e Texto
Meus Textos...







Galeria de Fãs